Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Educação Científica

Alunas da Licenciatura em Matemática apresentam trabalhos no CBEU em Natal

Publicado: Sábado, 07 de Julho de 2018, 10h39 | Última atualização em Sábado, 07 de Julho de 2018, 10h49

Duas estudantes do curso de Licenciatura em Matemática do câmpus de Caraguatatuba do Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Adriana de Andrade e Ariane Aparecida Roque Pereira Horta participaram, entre os dias 27 e 30 de junho de 2018, do 8º CBEU (Congresso Brasileiro de Extensão Universitária), que ocorreu no câmpus da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), na cidade de Natal (RN). Durante o evento elas apresentaram trabalhos acadêmicos que escreveram sob a orientação do Prof. Dr. Ricardo Roberto Plaza Teixeira, atual coordenador da Licenciatura em Física do IFSP-Caraguatatuba. O 8º CBEU ocorreu em paralelo com a 24ª CIENTEC (Mostra de Ciência, Tecnologia e Cultura); durante o evento foi também comemorado o aniversário de 60 anos de existência da UFRN.

Ariane, professor Ricardo Plaza e Adriana

O CBEU é o maior encontro brasileiro de extensão universitária de instituições públicas de ensino superior, reunindo professores, técnicos e alunos.  Nesta edição, a temática foi “Extensão e Sociedade: Contextos e Potencialidades” que foi enriquecida por debates em que os participantes refletiram sobre o momento histórico em que vivemos e sobre a extensão como campo de produção de conhecimento social. Mais informações sobre o 8º CBEU podem ser obtidas aqui. Sobre a 24ª CIENTEC é possível obter mais informações aqui.

As atividades que se realizaram – tais como palestras, oficinas, mesas redondas, minicursos e apresentações culturais e musicais – foram as mais variadas possíveis e aconteceram em diferentes espaços: planetário, museu de morfologia, parque da ciência, palco diversidade, palco central, fazendinha, praça de alimentação, etc. Foram discutidos os desafios da extensão universitária no Brasil e, em específico, as possibilidades para a divulgação da ciência e da tecnologia em nosso país, o que levou o público presente a refletir com maior profundidade sobre estas questões e propor alternativas.

A estudante Adriana de Andrade, durante o CBEU, apresentou, na forma de comunicação oral, o trabalho intitulado “Atividades de Extensão sobre popularização da ciência por meio da apresentação de experimentos científicos”, escrito em coautoria com o professor Ricardo Plaza e com Gustavo de Andrade, estudante do curso de Física do Instituto de Física da Universidade de São Paulo. Durante sua apresentação, ela refletiu sobre as oficinas de educação científica com o uso de experimentos feitos por materiais de baixo custo que realizou para alunos de ensino médio de escolas públicas do litoral norte, bem como sobre o trabalho educacional desenvolvido durante as visitas de estudantes da capital paulista ao Laboratório de Demonstrações Ernst Wolfgang Hamburger do Instituto de Física da Universidade de São Paulo (IFUSP). Ela elencou as especificidades dos dois ambientes de aprendizagem analisados e concluiu que atividades experimentais instigam nos alunos uma postura investigativa e despertam a curiosidade para a ciência.

Adriana de Andrade durante a apresentação de sua comunicação oral

A licencianda em Matemática pelo IFSP-Caraguatatuba, Ariane Aparecida Roque Pereira Horta, apresentou – também na forma de comunicação oral – o trabalho acadêmico intitulado “Experimentos Científicos e Jogos Matemáticos em Atividades de Extensão e Educação Científica”, escrito em coautoria com o professor Ricardo Plaza e com o aluno João Pereira Neto, também da licenciatura em Matemática. O trabalho fez um recorte do projeto de extensão intitulado “Educação científica por meio de atividades experimentais e audiovisuais para alunos de escolas públicas do litoral norte de São Paulo”, coordenado pelo professor Ricardo Plaza e do qual ela participou em 2015; este projeto atualmente foi incorporado pelo programa de extensão “Cinedebate e atividades de educação científica e cultural”. Ariane contextualizou as atividades de divulgação científica desenvolvidas no âmbito do câmpus de Caraguatatuba do IFSP e a relevância desta participação na formação de uma aluna de licenciatura.

Durante o evento, as estudantes Adriana e Ariane se encontraram com o Pró-Reitor de Extensão do IFSP, professor Wilson de Andrade Matos, e com a Diretora Adjunta de Gerenciamento de Projetos da Pró-Reitoria de Extensão, Luciana Harumi dos Santos Sakano, com quem trocaram ideias sobre as perspectivas para o desenvolvimento de atividades de extensão no âmbito do IFSP e sobre o progresso neste sentido que tem ocorrido nos últimos anos, algo quer foi percebido sensivelmente pelas duas estudantes, já que ambas foram bolsistas de extensão no ano de 2015 com bolsas financiadas pelo próprio IFSP.

Luciana Harumi, Ariane Horta, Wilson de Andrade (Pró-Reitor de Extensão do IFSP) e Adriana de Andrade

Durante o evento ocorreram apresentações musicais como as da Banda Reconvexo, do músico Sueldo Soares e da Orquestra Sinfônica da UFRN. Além disso, a apresentação artística do palhaço Piruá contou a história de uma crise de identidade: em meio a uma depressão por não ser conhecido e não estar nos meios de comunicação em massa, ele esteve prestes a cometer um suicídio, quando surgiu uma encomenda misteriosa que prometia mudar a sua vida e transformá-lo no que sempre sonhou!

Apresentação da Orquestra sinfônica da UFRN

O encerramento da programação cultural deste evento foi com a Banda Potiguar “Plutão já foi Planeta”; o repertório de suas músicas pode ser acessado em seu canal do youtube, clicando aqui.

Apresentação da banda “Plutão já foi planeta”

Segundo a estudante Adriana, o ponto alto do CBEU foi a importância conferida aos movimentos sociais, à pluralidade de visões de mundo e à diversidade cultural e de gênero, questões importantes para futuros professores, como é o caso dela. O próximo CBEU será em 2020 na Universidade Federal de Alfenas, Câmpus Poços de Caldas, como é possível ler no artigo “UNIFAL-MG sediará os dois maiores eventos de extensão do Brasil em 2020”.

Apresentação da Banda Reconvexo

A participação de estudantes universitários em congressos como este colabora muito com o seu amadurecimento intelectual, sobretudo quando eles não apenas participam das palestras e das demais atividades do evento, mas quando também apresentam trabalhos acadêmicos de sua própria autoria. A Pró-Reitoria de Extensão (PRX) auxiliou a participação das estudantes no CBEU, por meio de recursos financeiros para transporte, hospedagem e alimentação. Ambas as estudantes agradeceram o apoio fornecido pela PRX e relataram de modo enfático que a participação no CBEU foi muito importante para a sua formação acadêmica.

Fonte: Prof. Dr. Ricardo Roberto Plaza Teixeira

registrado em:
Fim do conteúdo da página